Representantes do Consórcio Nordeste vem ao Porto de Cabedelo e detalham transição de áreas arrendadas


Na manhã desta quarta-feira (12), o Porto de Cabedelo recebeu novamente os representantes do Consórcio Nordeste – grupo empresarial formado pelas empresas Raízen, BR Distribuidora e Ipiranga. O encontro serviu para o grupo detalhar o processo de transição e quais serão as próximas etapas para que o Consórcio assuma oficialmente as áreas arrendadas em março de 2019.

De acordo com Rafael Silva, representante da Raízen, está sendo finalizada a criação de três Sociedades de Propósito Específico (SPE), que vão atuar como gestoras das áreas arrendadas. Além disso, ele pontuou que haverá uma avaliação técnica dos espaços, questões documentais e posteriormente a transição oficial.

“Uma das preocupações de todos nós é de que não haja a descontinuidade das nossas operações”, afirma a presidente da Companhia Docas da Paraíba (Docas-PB). Ela explica: “Somos pólo de distribuição de combustíveis e abastecemos não só a Paraíba, mas também outras regiões próximas. Por isso há um cuidado para evitar o desabastecimento”.

Quanto a essa preocupação, o grupo disse que está trabalhando para que a transição seja o mais eficiente e rápida possível. Uma reunião mais ampla ficou acertada para março, envolvendo outros órgãos que estão envolvidos direta ou indiretamente na transição e operações.

Além da Raízen, BR Distribuidora e Ipiranga, também participaram as equipes de Operações e Planejamento da Companhia Docas e os representantes da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) na Paraíba, Giovanni Marinho e Fábio Bonifácio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *